Início
Capa do Jornal
Jornal de Notícias
Sociedade|Desporto|País|Mundo
Economia|+ Secções|Pesquisa
‹
|
‹
T-
|
T+
Diretora dos Serviços Secretos dos EUA demite-se após sucessão de erros
Publicado hoje às 14:58, actualizado às 21:02
LPC
Falhas dos Serviços Secretos estão a ser analisadas pelo Congresso norte-americano
Foto: MICHAEL REYNOLDS/EPA
Uma série de problemas com os agentes dos Serviços Secretos dos EUA levou, esta quarta-feira, à demissão da diretora da agência de segurança, Julia Pierson. Depois da invasão da Casa Branca por um homem armado com uma faca, soube-se que a equipa que protege o presidente dos EUA deixou que um segurança privado, com cadastro por agressão, entrasse armado num elevador onde seguia Barack Obama.

Este incidente aconteceu a 16 de setembro, em Atlanta, durante uma vista ao Centro de Controlo e Prevenção de Doenças. A equipa de segurança de Obama não percebeu que o segurança privado e com cadastro estava armado e permitiu que ele estivesse com o presidente do país dentro de um elevador.

Foi quebrada uma das regras fundamentais dos Serviços Secretos, que indica que apenas os membros da segurança do presidente poderão estar armados na sua presença. O facto de ter cadastro é também considerado um fator que impede que esteja em contacto com o presidente dos EUA.

O homem, um segurança privado do local que Obama visitava, só foi descoberto porque filmou o presidente dentro do elevador, não tendo obedecido quando os agentes da segurança lhe pediram para parar de filmar. Nessa altura, perceberam que ele estava armado e confiscaram-lhe a pistola.

Artigo completoPágina ‹‹ 1 de 2 ››
‹ Anterior Seguinte ›
Partilhar
facebook twitter
Serviços
• Cinemas
• Farmácias
• Meteorologia
• Totojogos
Siga-nos em
T+
|
T-
Tamanho do texto
Versões:Texto|Mobile|PC
ControlInveste Direitos Reservados
Sites MobileAO|Dinheiro Vivo|DN|JN|TSF|O Jogo|Ocasião
Anuncie|Contactos|Ficha Técnica
Termos e Condições